Case Study

Ataque à Igreja de Santo Inácio, Nigéria

Abril de 2018

Father Joseph Gor (c) Catholic Star, Makurdi
Padre Joseph Gor (c) Catholic Star, Makurdi
Father Felix Tyolaha (c) Catholic Star, Makurdi
Padre Felix Tyolaha (c) Catholic Star, Makurdi

O Padre Joseph Gor e o Padre Felix Tyolaha fazem parte dos 19 católicos que morreram depois de homens armados terem disparado sobre as pessoas que participavam numa missa pelas 5h30 da manhã na Igreja de Santo Inácio. A 24 de Abril de 2018, cerca de 30 terroristas entraram na igreja em Mbalom, na região do Middle Belt, Nigéria. O acólito Oryiman Akule, de nove anos, disse: “Assim que o padre começou a missa, reparou nalgumas pessoas com armas a correr para a igreja e avisou as pessoas, mas eles começaram a disparar quase ao mesmo tempo… Corremos e escondemo-nos noutro edifício.” Depois do ataque à igreja, os agressores dispararam sobre residentes locais. Mais de 50 casas onde as pessoas se refugiaram foram queimadas e os celeiros onde guardavam alimentos foram incendiados. As autoridades acreditam que os responsáveis são pastores islamitas Fulani. O Padre Gor, um dos sacerdotes mortos, tinha expressado a sua preocupação com a ameaça em curso dos extremistas fulani.

More articles